Direito Administrativo. Ilegalidade da Cobrança de tarifa de água realizada por estimativa de consu

Na falta de hidrômetro ou defeito no seu funcionamento, a cobrança pelo fornecimento de água deve ser realizada pela tarifa mínima, sendo vedada a cobrança por estimativa. Isso porque a tarifa deve ser calculada com base no consumo efetivamente medido no hidrômetro, sendo a tarifa por estimativa de consumo ilegal por ensejar enriquecimento ilícito da concessionária. Ademais, tendo em vista que é da concessionária a obrigação pela instalação do hidrômetro, a cobrança no caso de inexistência do referido aparelho deve ser realizada pela tarifa mínima. REsp 1.513.218-RJ, Rel. Min. Humberto Martins, julgado em 10/3/2015, DJe 13/3/2015.

Fonte: Jurisprudência do STJ.


Advocacia Rural - João Batista Muñoz

Praça Olegário Leme, 100 - Centro 
Bragança Paulista - SP
Telefones: (11) 3404-7931  

SIGA-NOS:

  • w-facebook
  • Google+ clássico